Manchester United 1998-1999 Parte Final

CONTINUAÇÃO. (Sim, o atual técnico do Manchester). Não preciso nem dizer que foram exatamente essas duas alterações, que fizeram com que uma reviravolta no placar ocorresse nos últimos instantes da final. Com um gol de cada um dos suplentes, após os 45 do segundo tempo, o Manchester era campeão da Europa e conquistava pela primeira vez (dentre os clubes ingleses) a tríplice coroa. Assim como Matt Busby recebeu em 1968, Ferguson também ganhou o título de Sir direto da Rainha da Inglaterra. O mundial era agora o objetivo número um dos Red Devils, principalmente porque nunca um clubes inglês havia se tornado campeão do mundo até então. A parada era duríssima, pois o adversário vinha do Brasil: o Palmeiras de Marcos, Arce, Roque Júnior, Alex, Asprilla, Paulo Nunes e Cia (Felipão era o técnico). A partida terminou 1 a 0 no Japão, após Marcos falhar em cruzamento de Giggs (gol de Keane) e o United carimbava assim, seu esquadrão invencível como um dos 15 maiores que já existiram. Naquela temporada 1998-1999, ganhar do time de Ferguson era quase missão impossível. Depois, o time começou a perder força e só voltaria a conquistar a Europa nove anos depois. A maior contribuição desse #esquadroesinvenciveis durante a fase de 1995 até 2001, foi colocar o Manchester United no topo da lista dos mais ricos e famosos clubes de futebol do mundo. Das 63 partidas na temporada, o Manchester só perdeu 5 delas, ou seja, literalmente foi quase um Esquadrão Invencível. Mais para frente vou contar a biografia completa de cada um dos membros desse esquadrão, inclusive do criador dele (Sir Alex Ferguson). O destaque final vai para Schmeichel e Giggs. Peter Schmeichel, era o goleiro dinamarquês que não deixava nada passar e na minha opinião foi o maior goleiro da história do Manchester até hoje. No meio-campo, Ryan Giggs, ou “Mago Galês” como ficou conhecido, dominava aquele setor de campo e se mostrou ser um jogador totalmente diferenciado e fora da curva. Ele era o verdadeiro maestro desse esquadrão e muitas vezes o responsável pelos principais gols e assistências nas partidas mais decisivas. Até hoje Giggs é o jogador com mais partidas disputadas vestindo a camisa do Manchester United.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s