Alemanha Ocidental 1970-1976 Parte I

TIME: Seleção Alemanha Ocidental 🇩🇪
LOCAL: Berlim, Alemanha
PERÍODO: 1970-1976
CONQUISTAS: Campeã da Eurocopa de 1972 e da Copa do Mundo de 1974
.
.
TIME BASE: Sepp Maier; Vogts, Schwarzenbeck, Beckenbauer e Breitner; Hoeneß, Bonhof e Overath; Grabowski, Gerd Müller, Hölzenbein Técnicos: Helmut Schön
.
.
Geralmente grandes times, grandes esquadrões, acabam por conta do envelhecimento natural dos atletas, mas a seleção da Alemanha é campeã ao longo da história em se reinventar e se recompor em curtos espaços de tempo. Os jogadores que participaram da final da Copa de 1966 não participaram da Euro de 1968 (a Alemanha não se classificou). Na Copa de 1970 a seleção alemã tinha oito novos atletas em relação ao mundial de 66. Na Eurocopa de 1972, a seleção foi campeã com um esquadrão composto por 18 atletas, sendo 12 deles estreantes. Para a Copa de 1974, disputada em solo alemão, o esquadrão campeão do mundo tinha mais 8 novos rostos e para finalizar, a Alemanha da Euro de 76 (vice-campeã) mais 13 novatos. Resumindo, o país sempre foi muito forte nesse trabalho de renovação e lançamento de atletas extremamente habilidosos e completos. Coloquem em mente, que muitos desses atletas novos que entravam ano após anos, eram jogadores de alto calibre, inclusive entre eles Gerd Muller, que com apenas 24 anos de idade já tinha marcado mais de 200 gols em 235 partidas pelo Bayern de Munique. Na Copa de 1970, disputada no México, Muller marcou 10 gols em 5 jogos (incluindo um contra a Inglaterra nas quartas e um na semi-final contra a Itália). Para a Eurocopa de 1972, a seleção ainda ganhou um dos melhores laterais do mundo: Paul Breitner (já fiz a biografia completa dele aqui na página), além de 3 atletas muito técnicos e bons de passe/lançamento: Netzer, Bonhof e Heynckes. Na Copa de 1974 a Alemanha sediou o mundial justo quando o Bayern ganhava a sua primeira de três Ligas dos Campeões de forma consecutiva. Nessa Copa, a seleção alemã distribuiu melhor os gols, que foram anotados por seis jogadores diferentes. Foram 3 finais sucessivas e 2 títulos para o esquadrão de Beckenbauer, em um dos times mais fortes já montados até hoje na história do futebol.
CONTINUA…..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s