Estudiantes 1967-1970 Parte Final

Esse time do Manchester era o verdadeiro bicho-papão da Europa na época e um adversário extremamente difícil para o Estudiantes. O jogo da ida foi na La Bombonera e após muita catimba e pressão, o clube argentino conseguiu vencer a partida por 1 a 0. Na volta, segurou o empate no Old Trafford em 1 a 1 e se sagrou campeão do mundo, inclusive se tornando o primeiro e único clube não inglês a comemorar um título dentro do estádio do Manchester. Com o título, o Estudiantes passava a ser um dos principais clubes da América do Sul. Por ter sido o campeão no ano anterior, o clube entrou nas semifinais da Libertadores de 1969. Depois de vencer o Universidad Católica e o Nacional, o clube argentino já era bicampeão continental. O mundial dessa vez seria contra o Milan, que não tomou conhecimento dos argentinos e aplicou uma goleada de 3 a 0 em Milão. Na volta, novamente disputada no estádio do Boca Júniors, os argentinos venceram por 2 a 1, porém o resultado ainda sim dava o título aos italianos. No final dessa partida houve muita briga e confusão, com três jogadores do Estudiantes indo parar na delegacia. Na Libertadores de 1970, entraram novamente na semifinal e dessa vez eliminaram o River e o Peñarol, se tornando o primeiro tricampeão continental da história. Pela terceira vez seguida o clube argentino disputaria o mundial, dessa vez contra o Feyenoord da Holanda. Jogando na La Bombonera o Estudiantes abriu 2 a 0, mas os holandeses tiraram forças não sei da onde e conseguiram empatar o jogo, calando os 51 mil argentinos que estavam no estádio. Na volta, perderam por 1 a 0 e fracassaram na segunda chance de se tornarem bicampeões mundiais. Em 1971 o técnico Zubeldía foi embora e com isso o Esquadrão estava desfeito. De fato esse time do Estudiantes não ficou marcado pelo futebol bonito e brilhante de se ver jogar, mas sim pelos resultados e os títulos que conquistou. Tudo graças ao grandioso trabalhado de Zubeldía, que trouxe muita disciplina e planejamento para o até então “pequeno clube de La Plata”. Graças a esses 3 títulos e a conquista de 2009, atualmente o Estudiantes é o quarto clube com mais títulos da competição mais importante do continente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s