PATRICK VIEIRA Parte I

PATRICK VIEIRA
Existe um clube de pequena expressão no sul da França chamado Cannes e esse clube além de ter revelado Zidane, foi quem revelou Patrick Vieira. Sua família, que era de origem senegalesa, emigrou para a França quando ele tinha apenas 8 anos. Com 17 anos, Patrick fazia sua estréia no pequeno clube francês e com 19 já usava a braçadeira de capitão. Suas otimas atuações por lá chamaram a atenção de Fabio Capello, técnico do Milan na época, que resolveu contratá-lo. Porém, o clube italiano era extremamente forte na época, Vieira ficou sem espaço e teve pouquíssimas oportunidades para mostrar seu futebol. Resultado? Se Capello não iria aproveitar o garoto como deveria, então alguém que já havia notado o talento brilhante e o potencial daquele francês iria. E esse “alguém” no caso, era o brilhante Arsène Wenger, que em 1996 tinha acabado de ser contratado pelo Arsenal (detalhe: até hoje, 21 anos depois ele ainda comanda os gunners) e estava fazendo sua primeira grande aposta da carreira como treinador. A partir daquele dia, tudo mudou na vida de Vieira e na vida do clube londrino. O Arsenal montava uma máquina mortífera, um esquadrão mortal, um time extremamente forte e competitivo, onde a referência era exatamente Patrick. Com isso, o Arsenal voltaria a ser um dos principais clubes da Inglaterra e da Europa, tanto que com esse novo time, conquistaram 3 campeonatos ingleses (sendo 1 de forma invicta) e 4 copas da Inglaterra. Para se ter uma boa idéia da ótima fase pela qual o francês vivia, ele entrou na seleção da Premier League de todas as temporadas de 1999 até 2004. Em 2002, Tony Adams, um dos maiores ídolos da história do Arsenal (mais para frente nossa página vai contar a história dele) se aposentou CONTINUA….
.
.
PAÍS: França 🇫🇷
DATA: 23/06/1976
NASCIMENTO: Dakar, Senegal 🇸🇳
CLUBE ATUAL: Aposentado
POSIÇÃO: Meia
ALTURA: 1,93m
TRABALHO ATUAL: Técnico do New York City FC
.
.
CLUBES:
Cannes, Milan, Arsenal, Juventus, Internazionale e Manchester City
.
.
SELEÇÃO:
França 🇫🇷 de 1997 a 2009
(107 partidas, 6 gols)
#france #franca #dakar #craquedebola#idolo #camisa10 #meia #viera #patrick#patrickviera #arsenal #gunners #lesbleus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s