Steaua Bucareste 1984-1989 Parte Final

CONTINUAÇÃO….A final da Champions de 88-89, foi disputada no Camp Nou, em Barcelona. O Milan tinha um time descomunal: Tassotti, Baresi, Rijkaard, Van Basten, Gullit, Costacurta e Maldini. Além disso, não preciso nem falar que igual em 95-96, novamente a maioria do estádio era ocupada por torcedores rossoneros. Resultado final: 4 a 0 Milan e fim do sonho do bicampeonato europeu. Em dezembro de 89, com o início de uma revolução na Romênia, o fim de um time mágico estava decretado. A abertura do mercado, consequência do final do regime comunista no país do leste europeu, significou um desmanche total e completo do Steaua. Um time que se manteve no topo de seu país e do velho continente, somente com jogadores romenos. Vamos contar um pouco sobre os principais jogadores: Duckadam, é o maior herói e ídolo da história deste clube e muito dificilmente será tirado deste posto. Mas por quê ele? Porque ele pegou 4 pênaltis seguidos em uma final de Champions, serve este motivo? Nem Buffon, Schmeichel ou Dida fizeram algo do tipo. Stângaciu, foi o goleiro que substituiu o Herói de Sevilha, quando o mesmo se aposentou precocemente devido a problemas de saúde. Boloni, era o cérebro do time até o Hagi chegar e até hoje é um dos jogadores que mais atuaram pela seleção romena. Hagi, é o Pelé da Romênia e ponto final. O cara jogava uma barbaridade, marcava cada golaço, ganhou o apelido de “Maradona dos Cárpatos” e levou a Romênia as quartas de final da Copa de 94. Lacatus, era um “Tevez” do time, o cara simplismente não desistia de uma bola, jogava com uma raça impressionante e junto com Piturca, fez uma das mais mortais duplas de ataque da história do futebol mundial. Ele foi vice-artilheiro da Champions de 88-89. Piturca, fez 137 gols em 174 partidas pelo campeonato romeno e é um dos maiores artilheiros da história do clube. Os técnicos Jenei e Iordanescu, foram os generais que comandaram este esquadrão invencível. Ambos conseguiram façanhas históricas: o primeiro conquistou a Europa ao vencer a Champions e o segundo, ao ficar três anos sem saber o que é perder, tanto no campeonato nacional, quanto na Copa da Romênia. Sem dúvida, este clube mereceu seu espaço aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s