DÉCIMA PRIMEIRA MAIOR TRAGÉDIA DA HISTÓRIA: 

DÉCIMA PRIMEIRA MAIOR TRAGÉDIA DA HISTÓRIA:
LOCAL: Cairo, Egito 🇪🇬
ESTÁDIO: Zamalek Stadium
DATA: 17/02/1974
JOGO: Zamalek SC 🇪🇬 X Dukla Prague 🇨🇿
NÚMERO DE MORTOS: Pelo menos 48
NÚMERO DE FERIDOS: 50
.
.
Para quem não leu sobre as outras tragédias, eu recomendo acessar a hashtag #tragediascdf antes de continuar aqui. Lá vocês vão encontrar as histórias de outras cinco tragédias que foram maiores que essa e se olharem atentamente, vão perceber também, que na verdade essa tragédia aqui é a segunda que ocorreu no Egito. A primeira tragédia que eu postei nessa série de reportagens, foi a de Port Said, sétima maior da história com mais de 70 mortos e 500 feridos, ou seja, muito mais pessoas que nesse acidente do Cairo. Mesmo assim essa tragédia aqui, ainda é um dos acidentes na história do futebol com maior número de fatalidades: foram pelo menos 48 (não se tem exatamente um número oficial, varia de 48 a 51), com 50 feridos. Fiz várias buscas pela Internet e realmente existem pouquíssimos registros e notícias sobre esse terrível e grave acidente. O que sabemos é que no dia 17 de fevereiro de 1974, uma partida amistosa ocorreria entre o Zamalek e um time da Tchecoslováquia, chamado Dukla Praga. Sim galera, o jogo não valia absolutamente nada e mesmo assim muitas pessoas perderam a vida naquele fatídico dia. Para quem não sabe, o Zamalek é um dos dez melhores clubes de futebol da África e já conquistou em sua história 26 Copas domésticas, 12 campeonatos egípcios, 5 Liga dos Campeões da África e 3 Supercopas da África. Realmente um baita currículo. Já o Dukla Praga que foi fundado em 1948, acabou sendo dissolvido em 1996 e virou o FK Příbram. E o que aconteceu nessa tragédia? O jogo estava marcado para um estádio bem maior chamado Nasser, que tem capacidade para 80 mil pessoas, porém ocorreu uma mudança (não descobri o motivo) e o jogo foi marcado para o estádio do Zamalek com capacidade para apenas 40 mil pessoas. Quando você coloca 80 mil em um estádio que comporta somente 40 mil, o resultado é óbvio: parte da estrutura do estádio não resisitu ao excesso de peso e acabou desabando, o que gerou uma debandada generalizada, muito tumulto e pisoteamento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s